terça-feira, setembro 15, 2015

Brasil despenca sete posições e se torna o 14º PIB do mundo

Redação
Diário do Poder

Em um ano, Brasil despenca sete posições e é o 14º PIB o mundo

FOTO: ANDRÉ DUSEK/AE 
Brasil despencou em menos de um ano sete posições
 entre as maiores economias do mundo

Desde outubro do ano passado, quando os brasileiros foram às urnas para reeleger a presidente Dilma Rousseff, o valor do real (em relação ao dólar) despencou 53,9%. Para tornar o quadro ainda pior, o PIB de 2015 - se as previsões otimistas forem mantidas - vai ser 2,5% menor do que o do ano passado.

Se os ventos nos forem favoráveis, fecharemos o ano em 13º ou 14º lugar no ranking mundial de PIBs. 

Quando o Brasil era o sétimo maior PIB do mundo (2014: 2,35 trilhões de dólares), só tinha pesos-pesados à sua frente: Estados Unidos (17 trilhões), China (10), Japão (4,6), Alemanha (3,8), Reino Unido (2,9) e França (2,8)., segundo os dados do FMI. Esses seis países  mantêm as mesmas posições, dada que a desvalorização de suas moedas em relação ao dólar foi bem inferior à do real em relação ao dólar. Hoje, à nossa frente, vários pesos-médios

Nenhum comentário: