sexta-feira, março 18, 2016

A estratégia de Jaques Wagner contra a prisão de Lula: 'Sair na porrada'

Veja online

Em conversa monitorada pela Operação Lava Jato, o ministro comenta com o presidente do PT, Rui Falcão, a denúncia do Ministério Público de São Paulo contra o ex-presidente

(Marcelo Camargo/Agência Brasil)
 O ministro Jaques Wagner 

Em grampos da Lava Jato, o ministro Jaques Wagner e o presidente do PT, Rui Falcão, conversam sobre a denúncia do Ministério Público de São Paulo contra Lula e sobre o plano de nomear o ex-presidente para um ministério. Os dois falam sobre o risco de prisão do ex-presidente - e Rui Falcão diz a Jaques Wagner que a presidente Dilma Rousseff tinha que tomar uma decisão rápida. Ainda se referindo ao pedido de prisão, o ministro fala sobre a reação a uma eventual ofensiva contra Lula: "Eu acho que tem que ficar cercado em torno do prédio dele e sair na porrada".

RUI FALCÃO: Alo.

JAQUES WAGNER: Oi.

RUI: Oi, JAQUES. O louco do CONSERINO aqui pediu a preventiva do LULA.

JW: É, eu vi porra.

RUI: Sim, e vocês vão deslocar alguém pra cá, como é que é?

JW: Deslocar em que sentido?

RUI: Não, acho que tem que vim alguém pra cá, porra, pra se mexer aqui também.

JW: Mas alguém quem? Só pra eu entender. Não, que eu não tô raciocinando.. (Ininteligível)

RUI: Não tem ministro da justiça, não tem..

JW: Não, tem ministro da justiça. Ele tá no ministério. Claro. Ele tá no posto.

RUI: Alguma iniciativa vocês precisam tomar. Porque tá na mão de uma juíza da quarta vara que não sabe quanto toma decisão, mas pode tomar decisão hoje. Nós...

JW: Ah, ele pediu a preventiva do cara em cima do que?

RUI: Não... não tem... em cima do TRIPLEX, da denúncia, ele é louco. Os três promotores aqui, JAQUES.

JW: Tá bom. Deixa eu fazer alguma coisa aqui.

RUI: É, porque eles podem, a juíza pode despachar agora, tá? Tem os advogados tá lá, "tamo" chamando deputado...

JW: Falou, ok.

RUI: A outra coisa é o seguinte: se nomear ele hoje, o que que acontece?

JW: Aí não sei, eu tô por fora.

RUI: Então, consulta isso também...

JW: Mas ele já decidiu?

RUI: Não, mas nós "tamo" todo mundo pressionou ele aqui. FERNANDO HADDAD, todo movimento sindical, todo mundo.

JW: Tá bom.

RUI: Tá.

JW: Eu acho que tem que ficar cercado em torno do prédio dele e sair na porrada, RUI.

RUI: Tem nada.

JW: Não, tudo bem, ué? Mas tem que cercar tudo.

RUI: Não, eu sei, mas enquanto isso..

JW: Tudo bem, deixa eu falar aqui.

RUI: Alerta a presidente. Toma a decisão de estado-maior aí.

JW: Falou, ok..

RUI: E mantém a gente informado. Ele, tá?

JW: Tá bom.

Nenhum comentário: