quarta-feira, junho 22, 2016

Fed alerta para 'repercussões significativas' do Brexit

Veja online
Com informações Agência France-Presse

Referendo que pode definir desembarque do Reino Unido da União Europeia está entre razões para cautela do banco central americano no aumento de sua taxa de juros

(Andrew Harrer/Bloomberg/Getty Images/VEJA)
 Brexit é um dos maiores riscos 
para a economia dos Estados Unidos e do mundo 

A presidente do Federal Reserve (Fed, banco central americano), Janet Yellen, alertou nesta terça-feira que a saída do Reino Unido da União Europeia poderá trazer instabilidade aos mercados e impactar o crescimento econômico. A dois dias do referendo no Reino Unido, ela afirmou em discurso no Senado que essa questão é um dos maiores riscos para a economia dos Estados Unidos e do mundo.

"Um desdobramento que pode mudar o sentimento do investidor é o referendo no Reino Unido", disse. "Um voto do Reino Unido pela saída da União Europeia pode ter repercussões econômicas significativas."

Yellen apontou a votação no Brexit como uma das razões para a cautela do Fed em relação ao aumento de sua taxa de juros e da flexibilização de sua política monetária. O britânicos participam do referendo nesta quinta-feira.

Nenhum comentário: