sexta-feira, maio 26, 2017

A bem da verdade, pergunta-se: Lula teria o mesmo tratamento dado a Temer?

Rodrigo Odilon Dos Anjos
Tribuna da Imprensa


 “Em primeiro lugar”, não gosto do Temer e jamais votei ou votaria nele, ao contrário dos petistas & assemelhados que o elegeram duas vezes. Tampouco sou lombrosiano, mas a sua cara de coringa de baralho não me inspira a menor confiança, além de me inquietar. Ah, também acho que ele (merecidamente) não conseguirá emplacar o final do seu mandato morando no Jaburu e trabalhando no Planalto, mas isso são outros quinhentos para serem gastos com outras quinhentas conversas.

Apesar disso tudo, e a bem da verdade, pergunto: se fosse o Luiz Inácio que estivesse nas mesmas condições atuais do Temer, o procedimento normalmente cauteloso e criterioso do Ministério Público (pelo menos a turma lá de Curitiba é assim) e o moroso e meloso Supremo Tribunal Federal agiriam da forma superágil e megadesastrada como agora estão procedendo com ele?

Receberia o führer de Garanhuns e viúvo de dona Marisa o mesmo tratamento “carinhoso” ora dispensado ao sisudo marido da dona Marcela?

A quem interessa a maneira e o açodamento com que essa megaoperação de delação mais que premiada dos terríveis irmãos Batista vem sendo conduzida?

Nenhum comentário: